Eles estão em todos os lugares e em todas as manhãs e principalmente nas madrugadas de cada cidade, isso mesmo o Sr Padeiro é o coração da padaria e como não reconhecer o talento nos pães.

A Obra de Arte do Padeiro

Quem não ouviu a expressão por trás dos bastidores é aonde tudo acontece e a realidade toma forma!

O talento associado a perseverança e comprometimento com a arte de panificar faz, pequenos e grandes profissionais serem extraordinário, não é mesmo?

Verdade seja dita, é que nunca foi apenas um pão, a ciência por trás de tudo que faz valiosos ingredientes unirem a um belíssimo café da manhã ou da tarde e porque não, um lanche da noite, não é mesmo?

Vejam porque eles estão em todos os lugares, porque são eles os principais responsáveis pelo pão perfeito, seja de qual forma for, a paixão em panificar transforma em uma verdadeira obra de arte.

A Panificação

A panificação tem se desenvolvido durante anos, com mais de 2.500 a.C, jamais existiu um comprometimento em um produto tão formidável e tão bem apreciado por nós como o pão.

Se você observa a diferenças de pães muitas vezes construída pela variedade de culturas e tipos de fermentação, dando um novo sabor e nova modelagem, mais jamais perdendo a sua essência de pão.

Pão de centeio

Veja para você observa o Pão de centeio feito massa de pão, fermentada naturalmente ou não, pode ser enriquecida com os mais diversos insumos, como sementes, cereais e grãos. Uma das farinhas mais utilizadas para fazer pães é a de centeio por isso do nome.

Ciabatta

Sua origem exata é desconhecida, mas acredita-se que esse pão foi popularizado por monges franciscanos, na Itália, há cerca de 800 anos.

Uma de suas caraterísticas mais marcantes é a utilização do método indireto de fermentação, em que as leveduras são adicionadas na massa, sem que o fermento seja “alimentado” previamente.

Depois de assado ele possui crosta fina e miolo úmido é um pão maravilhoso.

Pão australiano

Ele possui um sabor característico e inconfundível, uma vez que na receita é usado o açúcar mascavo e mel. Esse pão é bastante consumido com carnes, seja grelhada, assadas ou defumadas.

De coloração escura, sabor potente, marcante e levemente adocicado. Ele é muito rico em vitaminas e fibras.

Baguete

De origem francesa, o pão baguete é conhecido pelo miolo macio e por sua casca crocante, um pão alongado e muito gostoso.
Em 1920 uma lei foi aprovada impedindo que os padeiros franceses trabalhassem antes das 4 horas da manhã.

Por causa dessa lei, era impossível assar o pão tradicional a tempo para o café da manhã, a única solução encontrada pelos padeiros para entregar os pães bem cedinho foi a criação da baguete, um pão longo e fino, uma adaptação formidável dos profissionais da panificação.

Pão Cheio

As mamães antigamente amavam preparar este pão, que é simples apenas pão, carne moída , forno quente. Mas, como já se disse, são as coisas simples as mais gostosas.

E sem dúvida enquanto escreveu para você certamente deve lembrar de sua mamãe e por que não os padeiros não fazerem, este pão é muito apreciado e faz parte de nossa história, um pão que marca.

Pão de cebola

É diferenciado um pão aromático, macio e muito saboroso, o pão de cebola é incrível e muito gostoso, ele possui uma casca mais firme, um miolo macio, a receita é feita com farinha de trigo, fermento biológico, creme de cebola (ou cebola triturada), sal, açúcar, leite, ovos e óleo.

Pão Gourmet

Cada vez as receitas de pães estão mais elaboradas, com ingredientes e sabores diferentes e doces e salgados requintados ou gourmet fazem parte das opções.

Não deixaria de expor essa atraente sensação do momento que são os pães tão apreciados, pela sofisticação, feito de fermentação natural. O gourmet é mais reconhecido pela qualidade dos ingredientes. Quem experimenta aprova !

A obra que muda tudo

Você pode notar que existem muitas formas e tipos de pães criado por profissionais que amam o que fazem, um artifício encantador que esses profissionais tem destacados são as formas da pestana do pão, isso mesmo, você não imagina como tem sido atraente os pães personalizados, com se não bastasse a variedade de sabores, profissionais realizam riscagem no pão fantásticas como flores, trigos e outros formas que dá até do de comer.

A arte de riscar

Um dos requisitos para ser excelente nisso é possui técnicas e treinamento para realizar essas modelagens que esta viralizando na internet, gente não tem mais o que inventar não é mesmo !

Na verdade quem esta por dentro disso sabe que é apenas o começo e que a panificação esta se reinventando com novas culturas e técnicas surpreendente, para começar basta por a mão na massa e treinar, treinar e treinar, até que o simples torne formidável.

Nós temos vários tipos de riscadores para os profissionais mais a verdade é que a opções vai de acordo com sua necessidade e sua melhor adaptação.

Se caso desejar conhecer vou deixar disponível para que possa clicar nos botão abaixo e conhecer nossos riscadores e da upgrade na suas obras de arte !

 

Quero conhecer os riscadores do riscapão

Receba GRATUITAMENTE um E-book com 7 Receitas

Os pães mais vendidos que fazem sucesso





Parabéns ! Agora basta confirme seu cadastro na sua caixa de e-mail

Twittar
Pin
Compartilhar
+1